Prefeitura de Guararema. Trabalho e respeito. Por voc�.

Portal da Transparência SIC
Encontre em nosso site
  • Redes Sociais
  • Facebook
  • You Tube
  • Instagram

História

 

A implantação da Gestão do Centro Artesanal Dona Nenê se iniciou em 2011 e foi estabelecida em 2012, através da Lei Municipal nº 2866/12 e Decreto Municipal n° 3043/12. Hoje temos 21 Artesãos da cidade, que dividem um amplo espaço bem organizado e com toda infraestrutura necessária para a venda e exposição do artesanato local. Todos os Artesãos que trabalham no Centro Artesanal se formalizaram como MEI – Microempreendedores Individuais, sendo esta formalização um dos pré-requisitos para se trabalhar no local. Antes da construção do Centro Artesanal pela Prefeitura em 2011, os Artesãos realizavam a feirinha de artesanato na Praça da Matriz, tendo que conviver com as intempéries do tempo como chuva, frio e calor, bem diferente de hoje, cujo espaço é coberto, seguro, bem localizado e climatizado. Os Artesãos hoje trabalham uniformizados e com escala de trabalho definida entre eles. Além disso, para a renovação, atualização ou emissão das Carteiras da SUTACO, os Artesãos não precisam mais se deslocar até São Paulo ou outra cidade da região para conseguir se cadastrar no órgão, pois a SEMICTA conta com dois Agentes de Cooperação da SUTACO, que foram treinados para trazer esta facilidade ao cidadão.

A SUTACO – Superintendência do Trabalho Artesanal nas Comunidades é uma autarquia vinculada à Secretaria do Emprego e Relações do Trabalho do Estado de São Paulo, e é quem avalia e confere aos cidadãos de todo o estado o título de Artesão, comprovada através da emissão de sua Carteira, que é a Identidade do Artesão, sendo esta identidade também um dos pré-requisitos para vaga no Centro Artesanal. Através da SEMICTA já foram emitidas aproximadamente 100 Carteiras desde 2012, lembrando que este é um serviço oferecido para qualquer Artesão, mesmo para quem não tem a pretensão de trabalhar no Centro Artesanal, mas somente de obter esta identidade.

Através da SEMCITA também foram oferecidas capacitações totalmente gratuitas em parceria com a SUTACO em 2011 e 2012. Foram oficinas técnicas, que ajudaram os Artesãos a abrirem seus horizontes para a criatividade, melhorando suas técnicas e incentivando os mesmos a produzirem um artesanato com tipicidade, que leve o nome e a arte de Guararema para outros lugares, divulgando a produção criativa dos Artesãos.

Alguns deles ainda participaram de capacitações gratuitas oferecidas pela SEMICTA, em parceria com o SENAR. Os cursos foram realizados da Escola Profissionalizante “Sebastião Alvino de Souza” em 2012, sendo eles: Artefatos em folhas esqueletizadas, Artesanato em palha de milho, Artesanato em palha de milho trançado e Processamento Artesanal de Marchetaria.

A Gestão do Centro Artesanal pela Prefeitura, através da SEMICTA, busca oferecer oportunidades de geração de renda aos artesãos e promover o desenvolvimento local através de uma economia criativa.

O Centro Artesanal hoje possui 21 Artesãos. Para obter uma vaga é necessário atender alguns pré-requisitos como: morar em Guararema; ser maior de idade e formalizado como MEI; pagar uma taxa mensal para a Permissão de Uso do espaço possuir a Carteira da SUTACO. Além destes, outros deveres e obrigações constantes na Lei Municipal nº 2866/12 devem ser cumpridas.            


 

 


© 2016 Prefeitura de Guararema - Todos os direitos reservados